Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Granola Caseira do Bem - e sem glúten e sem lactose!










Eu tinha uma imensa vontade de comer granola com o meu iogurte caseiro, mas as do supermercado são impossíveis de comer. São extremamente doces. Então resolvi criar a minha. Mas como fazer? Bem, pensei...tem que ter aveia, tem que ter uvas passa. Gosto de mel e gosto de nuts (como nozes, amêndoas, macadâmias, avelãs, castanhas...). Então a granola começou a se delinear. Fui colocando na tigela ingredientes que gostava e anotando. Deu muito certo. Ficou deliciosa, não muito doce. Fonte de proteína, gorduras boas, vitamina D, B, K e o melhor...todos os nutrientes potencializando uns aos outros - de acordo com a tabela da SINERGIA ALIMENTAR, do post anterior. Delícia de granola...totalmente do bem! 

Você vai precisar de:
Numa tigela coloque:

80 gr de nozes

80 gr de avelãs 
80 gr de castanhas do Brasil
100 gr de uvas passas
1/2 xic de aveia em flocos grossos ( usei da Monama que é sem glúten)
1/3 de xic de amaranto em flocos 
1 xic de flocos de milho 
2 punhados cheios de cacau Nibs 
1 punhado de sementes de girassol  
1 punhado de sementes de abóbora


À parte, numa tigelinha misture:

3/4 de xíc de mel

1 col de sopa de óleo de coco
1 col de sopa de extrato de baunilha
1 pitada generosa de sal 
1 col de café de canela

Faça assim:


LIGUE O FORNO A 160 GRAUS.
Despeje a mistura de mel sobre a outra com as sementes. Com uma espátula, misture tudo muito bem para que o mel pegue em tudo. NÃO DEVE FICAR ENSOPADO DE MEL. Espalhe numa forma grande untada com óleo ( untei com óleo de coco) e leve ao forno por 20 minutos. Retire, mexa bem tudo e volte ao forno por mais 20 minutos. Retire (vai estar mole mas quando esfriar, endurece), mexa e deixe esfriar. Guarde em potes bem fechados.



Por hoje é só! Daqui a pouquinho trago mais novidades! Até!
Um beijo...e um queijo!

SINERGIA ALIMENTAR - A combinação perfeita dos Alimentos

Imagem DAQUI

Sim...nos preocupamos com a alimentação! Sim...pensamos bastante no que dar aos nossos filhotes para que eles não se gripem, para que cresçam fortes e saudáveis e...sim...nos preocupamos com o que NÓS colocamos na boca para evitar câncer, colesterol e triglicérides altos, para evitar depressão...blá, blá blá...Mas o que não sabemos (até agora) é se estamos fazendo as combinações certas para um melhor aproveitamento dos alimentos. Para aproveitar TUDO o que eles têm para nos dar! Por isso, após muuuuitas pesquisas, cheguei a esta tabela. Tudo começou quando a Alana me apresentou a "Roda da Sinergia Alimentar" ou seja, o quê combinado com o quê, age melhor no nosso organismo! Depois disso, tudo mudou...minha visão de comida mudou! 
A sinergia alimentar existe muito antes de receber uma nomenclatura. Temos o hábito de misturar alimentos, alguns funcionam, outros não. Vale a pena tentar essas combinações, uma vez que estimulam a produção e absorção de vários nutrientes em nosso corpo, e estudá-las com tempo e carinho.

Muitos alimentos combinam, contudo poucos realmente se completam. Essa é a função da sinergia alimentar. Ao juntar dois ou mais ingredientes, potencializar, não só os sabores do prato, mas como seus valores nutricionais.

"A sinergia alimentar acontece quando combinamos dois alimentos ou mais, ingeridos juntos, seus compostos são absorvidos ao mesmo tempo e circulam simultaneamente em nível celular", explica a nutricionista Cristiane Coronel. 

Na tabela abaixo, fica bastante simples entender quais alimentos apresentam boa, média, ruim e péssima sinergia alimentar. Basta cruzar linhas e colunas e ver a cor em que se encontram.


Sabe o famoso Feijão com Arroz? Combinação perfeita, que une os aminoácidos essenciais numa mesma refeição!
E a Feijoada com a laranja? A laranja otimiza a absorção do ferro no organismo, pois contém vitamina C.

Então? Pronto para dar um up na tua alimentação? Vamos lá! Deixei aqui uma tabela da Sinergia Alimentar DE PRESENTE pra ti! Use-a com sabedoria e muuuuito!




Fontes:
https://www.flickr.com/photos/gersonmora/7832829766


Por hoje é só, amigos!
Um beijo e...um queijo!

Risoto de Camarão e Cúrcuma



Hoje estávamos sozinhos por aqui...eu e os filhotes. E sem vontade de sair de casa! Logo, rolou um risoto delicioso para o almoço de domingo. Criançada se "entupiu" de tanto que comeu!!!

Você vai precisar de: 

1/2 cebola picada
2 dentes de alho picados
10 tomatinhos cereja cortados ao meio
1 cenoura média ralada no ralo fino
1/2 maço de ceboulette (cebolinha verde bem fininha) 
1 xic. de vinho branco seco
Caldo de legumes para fazer o risoto (+/- 500 ml - e caseiro...nada de cubos prontos!)
2 xic. de arroz para risoto (usei carnarolli)
Azeite de oliva extra virgem
500 gr. de camarões limpos
1 col. de sopa cheia de manteiga sem sal
1 col. de café de cúrcuma em pó
Sal e pimenta do reino q.b
1/2 maço de salsinha bem picada (opcional)

Faça assim:

Primeiro prepare o "mise en place", ou seja, deixe tudo já cortadinho em potinhos à mão.
Leve uma caçarola alta ao fogo e espere esquentar, Coloque 2 col. de sopa de azeite de oliva e em seguida a cebola picada para refogar. Coloque uma pitada de sal (para soltar líquido). Adicione o alho e deixe mais um minuto. Coloque o arroz e frite ele. Adicione o vinho e mexa o tempo todo até secar. Comece a colocar o caldo de legumes de concha em concha, mexendo até secar cada vez que adicionar uma concha nova. Quando já tiver adicionado uma 4 conchas, junte os tomatinhos e o Camarão. Mexa. Salgue e coloque pimenta do reino a gosto. Mexa. Adicione a cúrcuma. Misture bem. Continue todo o processo com o caldo, até o arroz estar cozido, mas "al dente". Adicione a ceboulette bem picadinha e misture bem. Finalize com a manteiga. Transfira para um prato. Decore com a salsinha. Sirva. 
Bon Appetit

Por hoje é só! Daqui a pouquinho volto com mais novidades! Até!
Um beijo...e um queijo!