Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nutrientes abaixo de Zero



Oi, amigos!


Imagem DAQUI

Há assuntos pelos quais as pessoas têm dúvidas e que são tão simples e práticos que valem a pena a gente saber... ainda mais nos dias de hoje, que corremos feito loucas e mal temos tempo para nós!
Você costuma comprar comida congelada? Você usa o seu freezer? Sabe como congelar alimentos, quanto tempo ele pode ficar congelado? E quanto ao “o quê” congelar? Ovo se congela? E bolo? E frutas? Então...hoje o nosso assunto é congelamento, perda de nutrientes, branqueamento.
*Matéria retirada da Revista Viva Saúde e escrita por Fernanda de Almeida – com algumas adaptações minhas.

"Que a refrigeração melhorou a capacidade de conservação dos alimentos, todo mundo sabe! Mas  estudiosos do Instituto de pesquisa em alimentação do Reino Unido concluíram que congelar os alimentos não só ajuda na moderna organização doméstica, como também preserva quase intactas vitaminas e nutrientes essenciais contidos nos alimentos.

Até  +8 °C o alimento se conserva mais, porque retarda as atividades microbianas e  enzimáticas.  Já o congelamento ( abaixo de 1°C) INIBE o crescimento de micróbios e bactérias, responsáveis pela deterioração  dos alimentos. Veja bem: O PROCESSO DE CONGELAMENTO NÃO MATA AS BACTÉRIAS, PORÉM INTERROMPE O PROCESSO DE DETERIORAÇÃO DOS ALIMENTOS. “As baixas temperaturas não esterilizam. BOLORES E LEVEDURAS por exemplo, são bactérias que se adaptam melhor em condições mais frias...portanto CONGELADOS TAMBÉM TÊM PRAZO DE VALIDADE”.

Além disso, o processo de congelamento INTENSIFICA O SABOR DOS ALIMENTOS.
Os cientistas descobriram que geralmente os consumidores compram vegetais duas semanas antes de consumi-los. E 80% dos entrevistados acreditam que o alimento estava na prateleira do supermercado há apenas 4 dias. Segundo os pesquisadores, este tempo é suficiente para que os nutrientes sejam descartados: “dezesseis dias após a colheita a vagem perde 45 % dos seus nutrientes, enquanto o brócolis  e a couve-flor perdem 25% neste mesmo período”. E assim, outros vegetais vão oxidando e perdendo também seus nutrientes...em maior ou menor grau. Isso acontece em menos escala com os VEGETAIS CONGELADOS , POIS ELES SÃO SUBMETIDOS A BAIXÍSSIMAS TEMPERATURAS LOGO DEPOIS DE COLHIDOS – diz Flávia La Villa, professora de nutrição e gastronomia do SENAC, em Campos do Jordão.

A variação de temperatura dos congeladores muda muito ( de um para outro!). em casa, os CONGELADORES tem temperatura média de -10°C.(negativos). Já o freezer, vai até  - 21°C (negativos).
Para alguns alimentos, basta serem levados ao congelador, para que as enzimas parem de trabalhar; outros precisam passar pelo processo de BRANQUEAMENTO TÉRMICO para desativar  totalmente essas enzimas ( em algumas frutas, legumes e vegetais).

A TÉCNICA DE BRANQUEAMENTO CONSISTE em mergulhar o legume picado em água fervente por cerca de 1 minuto e imediatamente após, repetir este processo em água com gelo. Depois é necessário escorrer bem e guardar em recipiente apropriado para congelamento. Esta técnica permite desativar enzimas que alteram a cor, o sabor e o aroma dos alimentos.
Cuidados

Há alguns cuidados que devemos ter na hora de congelar alimentos. Por exemplo: para os legumes, é recomendável congelar os que ainda não estão bem maduros, pois estes sofrerão alterações em suas características. As frutas congeladas não são recomendadas para o consumo ao natural, porém servem para fazer compotas, doces, recheios, purês, vitaminas e sucos.
O ideal é que após cozidos, os alimentos sejam levados à geladeira E SOMENTE APÓS ESTAREM GELADOS, devem ser levados ao freezer.
É importante estar sempre atento ao prazo de validade dos produtos. Daí o porque de ser necessário colocar etiquetas com a data de validade antes do congelamento. Siga este procedimento e não corra riscos.

Atenção:

Os alimentos abaixo NÃO PODEM SER CONGELADOS:

* Ovo inteiro e com casca: a casca pode estourar. Mas a clara e a gema no entanto, PODEM SER CONGELADAS SEPARADAMENTE.

* Maionese e margarina: seus ingredientes contém água e óleo, que se separam após o congelamento, inviabilizando o consumo.

* Iogurte: congelado, pode ficar com aspecto de talhado.

* Pudins e cremes à base de amido de milho: o amido absorve águadando espessura e consistência às preparações. Descongelado, o amido liberará a água absorvida, diurante o preparo, alterando completamente a textura do produto.

* Gelatina: perde a textura quando é descongelada.

Bem...por enquanto é só, gente! Espero que esta informação tenha sido bem útil! Um beijo...e um queijo!

Bolo de Alcachofras, Tomates Secos e Alecrim







Olá, meus queridos! Antes de mais nada, devo justificar a minha ausência...motivo: FINAL DE ANO!!! Todos sabem como é nesta época: crianças em época de fim de escola, festas, encerramento do ano para poder sair de férias...enfim...não tenho tido muito tempo (nem vontade, para ser sincera) de publicar receitinhas! 

Porém hoje venho trazer um bolo delicioso, com uma receita curinga na qual pode-se mudar o recheio para o saber de sua preferência! Isso é maravilhoso não é? Pode-se colocar abobrinha no lugar da alcachofra; pode-se ainda fazer um bolo tipo "garden", com cenouras, batatas, ervilhas e milho; pode-se fazer em forminhas de muffins, enfim...pode-se INVENTAR! 

E então? O que está esperando, amore! Mãos na massa!!! Receita ADAPTADA DAQUI.

Você vai precisar de:

200gr. de farinha (o equivalente a 1 xic. De chá cheia)
3 ovos
120 gr. de queijo “fontina” picado bem pequenino
70 ml de azeite de oliva extra virgem
130 ml de leite 
90gr de tomate seco escorrido e picado
50gr azeitonas verdes sem caroço  picadinhas
1 galho de alecrim picado
8 fundos de alcachofra em conserva escorridos e picados
1 colher de chá de fermento em pó
2 col. de chá de gergelim preto
sal e pimenta preta q.b.
gergelim preto para decorar


Faça assim:

Pré-aqueça o forno a 180º. Unte e enfarinhe uma forma grande de bolo inglês.
Numa tigela misture (com a ajuda de um batedor de arame – fouet) os ovos, o leite e o azeite. Tempere com sal e pimenta- se o queijo for salgado, tipo PARMESÃO, PECORINO...NÃO COLOQUE SAL! Junte a farinha e o fermento e misture delicadamente.
Adicione de seguida o queijo, o tomate seco, o alecrim, os fundos de alcachofra e as azeitonas.

Coloque a mistura na forma.  Decore como quiser (ou não!) – eu coloquei gergelim preto. Leve ao forno por 50 minutos (verificar com palito).
Sirva quente ou frio.

Bon Appétit!!!
Até a próxima, queridos!
Um beijo...e um queijo!

Carne de Panela Delicious


Repara que coisa mais bonita!!!Aprendi com a Rita Lobo!!!













O Produto final!!! De-li-ci-ous!!!!


Oi, amigos!!! Tudo bem por aí? Aqui tudo bem..apenas estou com a "tradicional" canseira de final de ano! E é incrível... cada dia que se aproxima das férias parece que a gente vai ficando mais cansado!!!! Estou precisando descansar!!! Mas enquanto estas férias não chegam, vamos que vamos!!! Trago hoje uma receitinha bem delicious para ti, pois afinal de contas comer todo mundo precisa e se o prato for bom, a gente levanta da mesa feliz da vida e até o nosso dia fica delicioso!!!

Então? Bóra para a cozinha? Você só precisa de um pedaço de carne, cebola e batatas!!! Vamos lá!!! Levanta daí e faz que tu não vais te arrepender!!!


Você vai precisar de:

1 kg de carne "tipo" músculo, coxão de fora, tatu ( eu fiz com músculo)
1 cebola
1 dente de alho
1 folha de louro fresca
3 cravos
Azeite de oliva
4 batatas grandes
Sal 
Alecrim fresco a gosto
Pimenta do reino a gosto (opcional)


Faça assim:

Lave a cebola COM CASCA E TUDO. Corte-a no meio no sentido do comprimento. Em uma metade, coloque a folha de louro pelo lado de fora, prendendo-a com os cravos. Reserve. Corte a carne em cubos grandes. Coloque-a  na panela de PRESSÃO. Coloque uns 3 "dedos" de água na panela. No meio da carne, acomode a cebola, deixando-a mais para o fundo. Tampe a panela e leve ao fogo. Deixe cozinhar durante 25 minutos A PARTIR DO MOMENTO EM QUE A PANELA COMEÇAR A CHIAR. 

Enquanto a carne cozinha, corte as batatas em cubos grandes. Reserve. Pique a outra metade da cebola e o dente de alho. Reserve. Quando terminar o tempo de cozimento, abra a panela ( lembra do procedimento de abrir, não é???) descarte a cebola com o louro e os cravos e despeje o conteúdo em uma tigela. Reserve. Passe uma água na panela e leve-a de volta ao fogão. Frite a cebola e o alho em um fio de azeite de oliva. Vire o conteúdo da tigela de volta  na panela. Espalhe as batas por cima. Coloque o alecrim. Salgue e coloque a pimenta. Mexa e PROVE!

Tampe a panela - desta vez sem a borracha, pois assim ela serve como uma panela normal - e cozinhe por mais uns 20 minutos ou até que as batatas estejam cozidas. Cuide para  não secar totalmente a água senão o cozido queima!!! 

Então? Fácil, não é? Eu procurei descrever a receita nos míííínimos detalhes! Qualquer dúvida...pergunta, tá?

Por hoje é só, queridos!!!
Bom feriadão!
Um beijo...e um queijo!!!

Geleia de Morangos








Oi, queridos! Terça-feira é dia de feira ecológica aqui em Bento Gonçalves! Eu amo! Sempre que possível vou à feira ecológica e "loto"a geladeira de produtos sem veneno! Nesta terça meu pai estava por aqui, nos visitando ( ele é de Floripa!) e levei-o à feira comigo! Ele gostou muito...sua observação:"aqui a verdura parece mais verdinha!!!" Ele não costuma a frequentar a feira ecológica lá! Mas acho que agucei a sua curiosidade!

Aliás, eu sou um pouco chata sobre esse assunto!!! Não faz muito tempo que os produtos orgânicos apareceram por aqui!!! Agora gasto mais dinheiro no mercado mas o açúcar, a erva mate, o arroz, o chocolate em pó, o café, o extrato de baunilha e tudo o que eu conseguir encontrar em termos de orgânico não titubeio...compro mesmo! Tenho conseguido substituir muita coisa aqui em casa! Outra coisa que eu acho muito importante: Fazer o nosso próprio bolo, geleia, pão, suco (eu faço suco de uva de verdade!), comida salgada...enfim...assim sabemos o que vai ali dentro daquele alimento que nos nutre e nos traz SAÚDE também! Sim...porque pela lógica, o alimento é para nos deixar SAUDÁVEIS e não DOENTES!!!

Você gosta de produtos ecológicos? Considera caro? E o que você economizaria a longo prazo em médico? Em remédios? Tudo tem seu preço, meu bem!!! Pensa bem...é a tua vida...é a tua família...teus filhos...aqueles por quem você daria a vida...pelo menos, eu daria!!!

Deixo hoje esta receita que é uma delícia! Pense nesta geleia em cima de uma torradinha...ou sobre um refrescante sorvete...ai...ela vai bem de "n" formas...usa a tua criatividade!!!

Você vai precisar de:

Para cada Kg de morangos use:

700 gr. de açúcar (ou seja use sempre 70% de açúcar...mais, fica muito doce!)
Suco de 1 limão
1 col. de chá de extrato de baunilha ( "ESSÊNCIA" DE BAUNILHA É ARTIFICIAL E NÃO FICA A MESMA COISA!)

Lave e deixe de molho os morangos por 15 minutos em água com 2 col. de sopa de vinagre. Escorra-os e lave novamente em água corrente.
Tire os cabinhos, as folhinhas e pique-os. Pese-os e leve à panela - alta, pois a mistura borbulha e sobe! ( de preferência com antiaderente, que a geleia gruda menos!).
Coloque os demais ingredientes e ligue o fogo. Mexa e espere ferver. A CONTAR DA HORA DA FERVURA, marque 35-40 minutos. Mexa com frequência para não grudar. Desligue a panela, espere esfriar. Envase! Conserve na geladeira ou se quiser, pode congelar em vidrinhos. Neste caso, deixe sempre um dedo abaixo da borda do vidro, pois ao congelar a geleia se expande e pode estourá-lo!

Viu como é fácil? Bom proveito! Tenho outras geleias no blog! Procure e divirta-se!
Um beijo...e um queijo!

Panquecas de Ricota com Milho ao Molho Bechamel

A panqueca da foto ficou muito grossa...mas delícia igual!!!

As panquecas estão nesta bandejinha porque foram feitas na minha escola 
e foram as únicas duas que sobraram!!!

Hello!!!! Quando a Rita Lobo fez as panquecas 5ª feira passada, no Programa COZINHA PRÁTICA, eu estava na aula de Patchwork e perdi de ver! Mas me falaram tanto das tais panquecas que lá fui eu para o GNT para assistir On Line. Nossa...cheguei a salivar! Panqueca, todo mundo sabe fazer...mas nestas,  ela adicionou um ingrediente extra: AS UVAS PASSA IMERSAS NO  RUM! Deve ter ficado com um gosto ESPETACULAR (quem quiser a receita original, clica no link do Cozinha Prática - ACIMA -  que direciona para ela) !

Mas eu tenho um pequeno problema: minhas crianças não comem uvas passa...e detestam o gosto do rum! Então, tive que ADAPTAR...mas ficou igualmente muito deliciosa! Leve, saudável, não digo que foi "rápida" de fazer, mas não é difícil! Basta ter um pouquinho de vontade...afinal, sem trabalho e sem um pouco de sujeira se faz o quê??? Bem,  ACONSELHO LER TODA A RECEITA ANTES, porque desta vez, os ingredientes foram aparecendo no decorrer da receita, conforme eu fui fazendo...então LEIA!

Então, você vai precisar de:

Para as panquecas:
2  xíc. de leite

2 ovos
2 xíc. de farinha
1 pitada de sal ( +/- 1 col. de chá rasa de sal)

Liquidifique e deixar descansar por 30 minutos. Unte uma frigideira e faça as panquecas.

Para o recheio:

Lave  1 maço de espinafre, colocando na água com vinagre por 10 minutos. Escorra. Leve "MURCHAR" as folhas no calor da frigideira. Escora-as. Reserve.
Amasse  a ricota (1 embalagem) com um garfo. Tempere com sal e pimenta.

Unte um refratário com margarina.

Misture ¼ de xíc. de milho verde com 2 col. de sopa de molho inglês. Pique um dente de alho. Refogue-o num fio de azeite só para dar uma perfumada no azeite. Coloque nesta panela contendo o alho o milho com o molho inglês e misture a isso o espinafre. Despeje na ricota e misture bem. Acerte o sal e a pimenta moída na hora. Unte um refratário.Recheie  as panquecas. Coloque as panquecas no refratário.

Ligue o forno a 180ºC para pré aquecê-lo.

Para o Molho:

Faça um Roux: 1,5 col. de manteiga na panela com 1,5 col. de farinha. Cozinhe mexendo sempre por uns 2 minutos para cozinhar a farinha.
Despeje 750 ml de leite direto nesta mistura e mexa bem com um fouet para não embolar. SE EMBOLAR, BATA NO LIQUIDIFICADOR. Deixar cozinhar por uns 10 minutos a contar do início da fervura. Tempere com sal, pimenta e noz moscada.
Derrame sobre as panquecas. Cubra queijo parmesão ralado e leve ao forno para gratinar por uns 20-30 minutos.

Por hoje é só, amiguinhos!
Tenham uma excelente semana!
Um beijo...e um queijo!

Tilápia à Portuguesa #sóquenão!!!!



Repara só no "pratinho" que o meu filho adolescente se serviu!!!!





Ó...isso aqui ficou bom demais!!!

Olá, pessoal! Hoje eu trago um prato surpreendente...tanto no sabor como na aparência! É facílimo de fazer e fica MARAVILHOSO! Fiz para o almoço...mas não sobrou NA-DA! Sabem o que é isso??? NA-DA! Agrada adultos e crianças! 

O peixe escolhido foi o Dourado, porque não encontrei a Tilápia aqui na minha cidade...porém, este também não tem espinhas...o que seria arriscado de oferecer às crianças! Bem, deixo aqui uma receita que tenho certeza de que vocês farão e voltarão aqui para me contar o que acharam!

Ah...esta receita eu trouxe do ENCONTRO GOURMET que participei no mês passado em São Paulo. A NETUNO PESCADOS foi uma das patrocinadoras do evento - que foi um sucesso! Quem a elaborou foi a  Chef Marlene, da Netuno Pescados.




Você vai precisar de:


Uma embalagem de Tilápia (aqui não encontrei Tilápia, então usei Dourado – tem que ser um peixe firme, para que não se desmanche) – dá uma 700 gr.

Sal a gosto
4 batatas médias em rodelas grossas, aferventadas por cinco minutos
½  xícara (chá) de azeite de oliva de boa qualidade
1 colher (sopa) de alho em flocos
2 tomates grandes maduros picados
1 pimentão vermelho pequeno picado
1 cebola grande picada
1 xícara de chá de azeitona verde em rodelas
orégano a gosto


Faça assim:


Tempere previamente os filés de peixe com sal. No fundo de uma panela média coloque EM CAMADAS:  as batatas aferventadas e escorridas; azeite; filés; tomate; pimentão; cebola; alho; azeitona e orégano. Tampe a panela e deixe cozinhar por cerca de 15 minutos. Destampe  e deixe cozinhar mais um pouco para secar um pouco o molho. Depois de pronto regue com mais azeite e sirva com um arroz branco e uma salada verde.

Bom proveito!
Por hoje era isso, amigos!
Bom final de semana!
Um beijo...e um queijo!

Amendoim Praliné




Oi, queridíssimos! Mulher é um ser curioso, não é? Chega um período do mês que a gente fica querendo muito um doce! Muito! Mesmo! Só que na maioria das vezes, esse desejo se traduz em uma fantástica, grande, linda e doce barra de chocolate! Mas desta vez...ahhhh...desta vez, a vontade era por estes amendoins! Conhecidos de muitos outros nomes como amendoim caramelado, cri-cri, amendoim doce, praliné...ele é muito...very...delicious! Com chocolate, sem chocolate, com xarope de groselha e-sei-lá-mais-o-quê...do jeito que for...é delicious! Porém, eu queria ainda por cima um jeito fácil de fazer! e encontrei este AQUI! Receita do Clube Gourmet Fisher! Simples, fácil, rápida e show de bola! Se eu consigo, tu também consegues...pois foi a minha primeira vez!  

Você vai precisar de:



½ kg de amendoim cru
 1 ½ xícara de açúcar
½ xícara de água
2 colheres (sopa) cheias de achocolatado em pó
1 colher (sopa) rasa de fermento em pó



Faça assim:
Coloque todos os ingredientes num PIREX FUNDO (porque ele espuma e derrama) e misture bem. Leve ao forno de microondas por 8 minutos em potência alta. Retire do  microondas e mexa bem. Leve de novo ao micro  por mais 8 min em potência alta. Retire e com uma colher de pau, mexa  até secar e parecer esfarelado. Pare de mexer e despeje em uma forma retangular para esfriar.
PS: Ao sair do micro-ondas o amendoim estará em ponto de pé de moleque. Mole.

Por hoje é só!

Um beijo...e um queijo!

Resultado do Sorteio do Dia da Criança

Jogo de panelinhas azuis
Jogo de panelinhas vermelhas

Então...os nomes estão na ordem em que foram deixados os comentários! Comentários duplos não estão valendo! É considerado apenas 1 comentário por pessoa.

1.     Na Cozinha da Carina
2.     Ice Crem
3.     Solange Signor Ferrari
4.     Ana Carmen
5.     Vânia Predebon Nodari –
6.     Violett Welt
7.     Fê Dayrell
8.     Tamires
9.     Sandra Reis  
10.  Cíntia A. S. Sevaux
11.  Erika Di Bernardo
12.  Elise Di Bernardo
13.  Rachel
14.  Temperaria
15.  Redair
16.  Adri
17.  Luciana
18.  Davi Moura
19.  Ruby Fernandes
20.  Carla Krause Kilian 
21.  Avental e Aventuras
22.  Teresa Newman Medeiros
23.  Andréa Potsch
24.  Adriana
25.  Carla Colombo

As ganhadoras então, foram: Ana Carmen (04) e Luciana (17)!
Parabéns, meninas...e até um próximo sorteio a todos!
Um beijo e...um queijo!

Nhoque (ou gnocchi) ao Molho Sugo











PS: Receita publicada originalmente no MEU OUTRO BLOG 

Hello! Sempre tive preguiça de fazer nhoque...nem sei porque, pois dá menos trabalho que muita comida que a gente julga fácil de fazer...e de mais a mais, as crianças adoram participar do "processo", então...menos trabalho ainda! Olha que eu não sou de dar conselhos...mas este eu vou te dar! Faz! Faz que tu vais amar!!! Ficou muito boa a massa e o molho,com aquela colherzinha de mel, perdeu a acidez do tomate...ficou divino! E depois, se não gostar de molho sugo, tu podes fazer um outro da tua preferência! então...vai encarar?

Para o Nhoque, você vai precisar de: 
(4 pessoas)

1/2 quilo de batata
1 gema
1 colher (chá) de margarina
Farinha o quanto baste para dar ponto ( eu usei 1 xícara de chá)
sal a gosto  
óleo (para colocar na água do cozimento)
Queijo parmesão ralado

Faça assim:

Cozinhe as batatas, amasse e deixe esfriar. Leve à geladeira por algum tempo para desidratar e assim levar menor quantidade de farinha. Junte à batata, a gema, a margarina e misture bem. Depois vá juntando a farinha aos poucos até dar ponto de enrolar (não usei toda a xícara na massa). Com a bancada e as mãos enfarinhada  enrole, corte.  Deixei os nhoques descansando um pouco.
Coloque água para ferver com um fio de óleo e sal e cozinhe aos poucos o nhoque (ele cozinha muito rápido - coloque um pouco de nhoque para cozinhar, assim que ele flutuar retire-o com o auxílio de uma escumadeira). Coloque em uma travessa e junte o molho, polvilhe queijo ralado e serva em seguida.

PS: a receita foi retirada do blog COISAS CÁ DE CASA, onde a minha querida amiga Maria de Lourdes Ruiz é quem comanda as panelas!


Molho ao sugo

Pode ser usado para fazer o bolonhesa, para fazer lasanha, para pizza.

Você vai precisar de:

1 lata de tomate pelado 
½ cebola 
2 dentes de alho 
2 galhos de salsinha 
1 galho de orégano fresco 
2 colheres (sopa) de azeite 
1 colher (sobremesa) caldo de carne líquido 
Sal 
Pimenta do reino 
Gotinhas de molho de alho 
½ copo de água 
1 colher (café) de mel 

Faça assim:

Bata tudo no liquidificador e leve ao fogo médio-baixo, em panela destampada por cerca de 20 minutos ou até apurar ao seu gosto. Assim que desligar o fogo finalize com um fio de azeite.

PS: Receita retirada do blog FICA, VAI TER SOBREMESA, da minha amiga Mirella Camargo. O molho é muito bom, mesmo!!!

Então tá, né gente! Até a próxima!!!
Um beijo...e um queijo!

Focaccia










Oi, queridos! Esta é apenas uma das receitas que me "chamam" faz muito tempo...quando enxergo, enlouqueço! Chego a salivar! Entretanto, só eu gosto de coisas diferentes aqui em casa então, as receitas vão passando para trás na fila de espera e acaba que "esperam" demais! Finalmente fiz a tão cobiçada! Tirei a receita do blog "CUCINA ARTUSIANA" da minha amiga do coração, Carla Maicá! ADAPTEI um pouquinho. É uma receita bem boa, aliás deliciosa...porém eu quero fazer uma mais fofa, agora! Esta é mais sequinha...boa para comermos com algo em cima...Então, para você: FOCACCIA!

Focaccia all’olio – Luisa Correggiari, em Profumo di Basilico – Deliziose ricette di Liguria


Você vai precisar de:


200 gramas de farinha de trigo
1/3 de  xícara de azeite de oliva extra virgem ( usei o Andorinha que ganhei no Encontro Nacional dos Blogueiros de Gastronomia)
30 gramas de fermento biológico fresco (2 tabletes)
Alecrim a gosto (usei 1 punhado fresco)
Sal a gosto


Faça assim:

Dissolva o fermento em 120 ml de água morna. Prepare uma massa com a farinha e o fermento e vá acrescentando à água morna com o fermento aos poucos, até formar uma massa lisa e elástica. Acrescente o azeite, o alecrim picado e o sal. Misture bem. Deixe levedar por 1h30min em um lugar morno. Passado o tempo, abra a massa com os dedos sobre uma forma untada com azeite de oliva. Deixe com menos de 2cm de espessura. Faça furos com os dedos na superfície da massa.Pincele-a com uma col. de azeite de oliva misturado em 1 col. de água. Asse em forno pré-aquecido a 180ºC por 30min. +/-.


E então? Você gosta de Focaccia? Tá aí...barbadinha de fazer e mais ainda de comer!

Até a próxima queridos amigos!
Um beijo...e um queijo!

SORTEIO de DIA DA CRIANÇA




Olá, queridos seguidores e amigos do Delicious! Hoje,dia das crianças, lanço um sorteio para celebrar a criança que existe dentro de cada um de nós! 

Vá para a frente do espelho  por favor...EU ESPERO VOCÊ IR...foi? E o que você enxerga aí? Olha bem...O CORPO...este corpo que um dia pulou corda, amarelinha; que correu jogando bola ou brincando de "guri pega guria, que caiu (e se levantou); essa BOCA que riu até mais não poder...toda suja de chocolate; ou chorou mostrando o dodói que tinha ; os OLHOS...ah os olhos...inocentes, que mostravam transparência de sentimentos...caminho "express" para a alma...que ao falar com alguém olhavam direto - bem dentro - nos olhos do seu interlocutor...que não mentiam...que eram sinceros; as MÃOS.. mãos que davam as mãos...que pediam doce, que diziam não...que escreviam até cansar as lições de casa; os PÉS...que viviam descalços - e que a mamãe teimava em mandar colocar chinelos para não pegarmos resfriados; a BARRIGA...sempre morta de fome e que doía de tanto rir e sabia rodopiar o bambolê como nenhuma outra; os BRAÇOS...que viviam arrodeando sem parar, que se mostravam fortes para brincar de "cabo de guerra"...olhe para o teu ROSTO...consegue ver a criança que um dia você foi??? Eu consigo!!!

E então? EU, TU , todos nós temos a criança que um dia fomos aí...escondidinha bem aí em nós mesmos...e ela sai...seguidamente para não deixar-nos esquecer quem um dia fomos! Sai para tornar a nossa vida mais alegre, serena e feliz...para brincarmos com nossos filhos, fazermos piadinhas, cantarmos, rolarmos com eles no chão, gritarmos de felicidade e para fazer os outros felizes também! Sai para rir e para chorar...sai para que possamos VIVER!!!

Então, queridos amigos...um FELIZ DIA DA CRIANÇA para você! Que neste dia você deite e role!!! É o que eu desejo...do fundo do meu ♥!

Bem...voltando ao SORTEIO (que é para adultos!), você terá que me deixar em comentário, a O NOME e a  RECEITA DA GULOSEIMA QUE MAIS GOSTAVA QUE SUA MÃE FIZESSE PARA VOCÊ - PODE SER DOCE OU SALGADA! O mesmo SORTEIO está ocorrendo lá no MISS BEBELLA...VOCÊ TERÁ 3 chances de ganhar, POIS AQUI SÃO DOIS PRODUTOS E LÁ MAIS UM...

A receita sorteada ganhará o prêmio e será FEITA E PUBLICADA aqui no blog! O sorteio será feito por meio do site RANDOM.ORG e a numeração dos participantes será contada  pela ordem dos comentários deixados aqui: o primeiro comentário será o nº 01 e assim por diante. vale um comentário por participante. QUEM NÃO DEIXAR A RECEITA E SÓ O COMENTÁRIO NÃO SERÁ CONSIDERADO PARTICIPANTE! O sorteio será feito no dia 19/10/2012 - sexta feira que vem! Não se atrase!!! Deixe também o SEU EMAIL PARA QUE EU POSSA DEPOIS ENTRAR CONTATO!

Vamos lá? A Sorte está lançada!
Um beijo...e um queijo!

Bolo de Frutas Secas com Cranberries e Tâmaras








Oi, gente! Então...nesta casa, se eu invento de fazer um bolo destes, as crianças ficam com uma "tromba" enorme, porque não gostam de frutas secas! Mas como nem só da vontade das crianças se vive por aqui, hoje foi o dia! Eu adorei fazê-lo! Fácil (ou melhor ridículo de fazer!) rápido e simplesmente DE-LI-CI-O-SO!!! A receita eu tirei de um vídeo da Ana Maria Braga que vi nem sei onde; nem quando, mas a "verdadeira" se chama BOLO DE CASTANHAS DO PARÁ, que eu adaptei para o meu gosto...na verdade você vai ver que ela está BEM diferente...e ainda acrescentei RUM, que eu acho que combina bem com este tipo de bolo! Então se quiseres fazê-lo, eia a receita fácil-rápida-show-de-bola!

Você vai precisar de:

2 xíc. chá de castanhas-do-pará (trituradas grosseiramente)
1 xíc. chá de cranberry (passa)
1/2 xíc. chá de tâmaras sem caroco trituradas
1 xíc. chá de farinha de trigo
3/4 xíc. chá de açúcar
1 col. chá de fermento em pó
3 ovos
1 colher (chá) essência de baunilha
2/3 de xíc. de chá de rum


Faça assim:

Pré aqueça o forno a 180ºC. Unte e enfarinhe uma assadeira de pão grande.

Numa tigela coloque todos os ingredientes, EXCETO os ovos, a baunilha e o rum. Misture bem. Reserve.
Numa outra tigela bata os ovos com a essência de baunilha até formar uma espuma (+/- 5 minutos). Misture a isto, o rum. Despeje esta mistura sobre as frutas (reservadas acima) e mexa bem.
Coloque a massa  na forma e nivele a superfície com uma espátula (ou as costas de uma colher). Leve para assar em forno pré-aquecido a 180 graus por +/- 1 hora. Deixe esfriar e desenforme.

PS: Não coloquei cobertura de açúcar de confeiteiro, por motivos óbvios de economia e CALORIAS DESNECESSÁRIAS!  Mas fica a teu critério...o bolo realmente fica LINDO com o açúcar em cima!


Gostou? Deixa aqui o teu comentário! Eu fico super feliz!!!
Até a próxima, queridos!
Um beijo...e um queijo!